sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Eu te desejo...

Eu te desejo alvorada com sinfonia de pássaros, delicadeza de imagens invertidas numa gota de orvalho e sensação de paraíso na serração matinal.
Eu te desejo espreguiçada seguida de bocejo, cheiro doce de café, quentura de pão e sabor do primeiro bom dia. Eu te desejo fruta que acabou de cair do pé, folha que se enroscou no teu cabelo, gotas de chuva e aroma de terra molhada.
Eu te desejo os primeiros raios fecundos do sol, vento encrespando as ondas do mar e fazendo música no coqueiro. Eu te desejo cheiro de rosas, sorriso de begônias, saudações dulcíssimas de abelhas.
Eu te desejo vermelhos e lilases do entardecer, voos de pássaros, ave-marias e toques de sinos. Eu te desejo canto de cigarras, cricrilar de grilos, sapos coaxando na lagoa. Eu te desejo nuvem de pirilampos acendendo teu caminho.
Eu te desejo lua cheia, noite estrelada com direito a cometa e canto de galo... Eu te desejo um "Eu te amo" caloroso da boca do ser amado, e sonhos coloridos a dois...
Assim, não te desejo nada que não tenhas, porque tudo já é teu.
Dedico esse texto a todos os amigos, leitores, alunos...
(crédito da imagem: Henri Matisse)

5 comentários:

bia disse...

Você é realmente apaixonante!!!

andreia disse...

Você realmante me surpreende,é de uma sensibilidade que emociona.
Obrigada....

claudio rodrigues disse...

Obrigado, Bia, bom quando nossas palavras tocam alguém.

claudio rodrigues disse...

OI, Andreia...to adorando que vc tem vindo ler meus bregueços. Casa sempre aberta para você.

andreia disse...

Obrigada pois ficaria muito triste sem seus bregueços que por sinal são muito importantes para mim!
bjssssss