sábado, 23 de abril de 2011

Sertânica


Sertao
Upload feito originalmente por cláudio rodrigues
saudade do sol do sertão, de suas casinhas tortas, caiadas de branco, das igrejinhas de uma torre só, do sino tocando nas ave-marias, do ipê-rosa que colore os dias quentes contrastando com a terra seca, das cercas de varas esquecidas, dos cactos com suas mãos para cima. O sertão longe, fundo, mítico, onde o sol é o rei.

2 comentários:

Ana Tapadas disse...

Pensa o sertão como eu penso o meu Alentejo: simplicidade, pureza, origem...
Beijo

Renata Luciana disse...

"vai diminuido a cidade, vai aumentando a simpatia quanto menor a casinha,mais sincero o bom dia."

A representação dessa imagem tanto me transporta para a infância, sertão da Bahia, terra vermelha, chão quente, pouca água, carinho redobrado, casa de vó.

LIndo!